RECENTES

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, 30 de março de 2017

Pesquisa traz notícia ótima e péssima para Dória. A ótima: 70% o aprovam. A péssima: 70% o aprovam




Pesquisa do instituto Paraná Pesquisas mostra que o estilo fanfarrão do prefeito João "Trabalhador" Dória está agradando ao paulistano.

70,3% dos ouvidos dizem aprovar o desempenho de Dória de maneira geral, e 51% classificam sua gestão como ótima ou boa. [Fonte: Estadão]

A notícia é ótima para Dória e todos aqueles que já o querem como candidato a presidente no ano que vem. Mas também é péssima para ele, pois o artífice de sua candidatura a prefeito e que sonhava em vê-lo candidato ao governo de São Paulo ano que vem, o atual governador Geraldo Alckmin, não está nada satisfeito com esses números. 

O aliado passou a ser adversário. E não é bom ter o anestesista Alckmin como adversário: os medalhões tucanos de São Paulo que o digam, um a um derrubados por ele, que lançou Dória contra a opinião dos caciques e venceu.

E agora? Dória vai seguir seu estilo camelô, vendendo sua imagem de "João Trabalhador" com vistas à presidência ou vai recolher o time em favor de Alckmin?

A estratégia da dupla eu apontei aqui ainda em janeiro (Dória já está em plena campanha ao governo de São Paulo em 2018, numa chapa com Alckmin presidente). 

Dória está indo com muita sede ao pote. E tem um monte de rabos que esse lagartixa deixou pelo caminho, como o caso do terreno em Campos do Jordão e agora a dívida de IPTU de sua mansão. 

Rabos que devem surgir na mesma proporção de sua popularidade. Nesse caso, em vez de voo de tucano, teríamos um de galinha.

Ele que se cuide, pois o anestesista (que ganhou prêmio de gestão hídrica no ano em que deixou o paulista bebendo água podre) está de olho nele.

Apoie a mídia de resistência ao golpe. Saiba como


Pesquisa Ipsos: Fora Temer não é unânime. É só 90%




Pesquisa do instituto Ipsos divulgada pelo Estadão mostra que o ditado de Brizola de que a política ama a traição mas abomina o traidor continua válido. A desaprovação ao golpista traíra Temer é quase total:

  • 90% acham que o Brasil sob Temer está no caminho errado
  • 62% acham que o governo do golpista é ruim ou péssimo. E isso porque não existem as opções tenebroso, terrível, indecente, canalha e cafajeste
  • 78% desaprovam sua (se é que se pode chamar assim) atuação
  • Temer é o terceiro político mais desaprovado do Brasil, com 80%. À sua frente apenas os dois que dirigiram na Câmara e no Senado o golpe do impeachment: Renan Calheiros, com 83%, e Cunha, com 87%.

Será apenas coincidência que os políticos mais impopulares do Brasil sejam os que comandaram o processo do impeachment da presidenta Dilma e o golpista que tomou seu lugar?

Apoie a mídia de resistência ao golpe. Saiba como


quarta-feira, 29 de março de 2017

Imagens históricas: Há um ano o PMDB abandonou o governo Dilma e partiu para o golpe





Há exatamente um ano, aos gritos de "Fora, PT" e "Temer presidente", o PMDB, maior partido do Congresso, anunciou  seu rompimento oficial com o governo da presidenta Dilma. Foi um evento rápido, de poucos minutos em que o senador Romero Jucá, o Caju da Odebrecht [voz do vídeo], anunciou a saída do partido da base do governo.

Apoie a mídia de resistência ao golpe. Saiba como


terça-feira, 28 de março de 2017

Centrais sindicais se unem e marcam Greve Geral para dia 28 de abril. O Brasil nas ruas contra o golpe




O Fórum das Centrais Sindicais se reuniu nesta segunda-feira (27), em São Paulo, na sede da UGT e decidiu emitir a seguinte nota convocatória de Greve Geral para o dia 28 de abril:

As centrais sindicais conclamam seus sindicatos, federações e confederações a paralisarem suas atividades no dia 28 de abril.
O objetivo é enviar ao governo um contundente alerta de que a sociedade e a classe trabalhadora não aceitarão as propostas da reforma previdenciária, trabalhista e o projeto de terceirização aprovado pela Câmara dos Deputados, no último dia 23 de março.
 Na opinião das lideranças, trata-se do desmonte da previdência pública e a retirada dos direitos trabalhistas, garantidos pela CLT.
Por isso, conclamamos toda a sociedade, neste dia, a demonstrarem o seu descontentamento, ajudando a paralisar o Brasil.
São Paulo, 27 de março de 2017
Central ds Sindicatos Brasileiros – CSB
Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil – CTB
Central Única dos Trabalhadores - CUT
Força Sindical - FS
Nova Central Sindical de Trabalhadores – NCST
União Geral dos Trabalhadores - UGT
Central Geral dos Trabalhadores do Brasil -
CGTB Intersindical CSP-Conlutas

Além do dia 28, a agenda do Fórum das Centrais convoca para 31 de março - Dia Nacional de Mobilização Rumo à Greve Geral, movimento convocado pelas frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo em todo o paí. [Fonte: Vermelho]

Apoie a mídia de resistência ao golpe. Saiba como


Messi pega quatro jogos de suspensão nas eliminatórias. E se a Argentina não se classifica para a última Copa do craque?



Por perder a cabeça num lance bobo no jogo da Argentina contra o Chile e xingar a mãe do bandeirinha, o craque Messi pegou inacreditáveis quatro jogos de suspensão, desfalcando a Argentina, que não está bem nas eliminatórias, de seu principal jogador.

Se todo mundo que xingar a mãe de um árbitro ou bandeirinha for suspenso pelo mesmo número de partidas que Messi, param os campeonatos. Não vai ter jogador para completar os times.

Filho da puta é praticamente vírgula no futebol. Por isso, a suspensão aplicada ao craque é totalmente absurda e desproporcional. Nem a mãe do bandeirinha, caso goste de futebol, deve concordar com ela.

O pior é que a seleção da Argentina não está nenhuma maravilha e corre o risco — pequeno, é verdade, mas real — de ficar de fora da próxima Copa do Mundo, na Rússia, que seria a última de Messi.

Já imaginaram que absurdo?

Apoie a mídia de resistência ao golpe. Saiba como


ENFRENTANDO O GOLPE 

A mídia corporativa e o governo golpista querem sufocar os blogs e sites de oposição ao golpe. Precisamos do seu apoio, da sua assinatura, e também do seu engajamento, nos ajudando a divulgar nossos blogs e sites de oposição ao golpe nas redes, republicando nossas postagens, distribuindo conteúdo para amplificar o alcance de nossas críticas.

Contando com seu apoio, vou oferecer um livro meu grátis, A Fome e o Medo, a todos os que assinarem o Blog do Mello.

Assinar é muito fácil, é só clicar numa das imagens, Doar ou Assinar. Todos os cartões de crédito são aceitos



Se preferir, você pode fazer sua doação diretamente na conta do Blog:

Banco Bradesco
Pipa Produções Artísticas Ltda
CNPJ: 10585813/0001-44
Agência 0213
Conta 8035-7

Para receber o livro, basta enviar um e-mail dizendo que fez a doação ou a assinatura. Não precisa enviar comprovante. Sua palavra basta.
Antecipadamente, agradeço.