domingo, 13 de janeiro de 2008

Uribe mentiu: Clara e Consuelo afirmam que movimentação de tropas do exército da Colômbia foi o que não permitiu libertação no final do ano


Clara e Consuelo na entrevista coletiva

Você leu isso em algum lugar? Não. Nossa “grande imprensa” continua a dizer que Chávez se expôs ao ridículo no final do ano, quando não houve a libertação acordada com os guerrilheiros das FARC. Somam a isso o mico verdadeiro do caso Emanuel, para tentar diminuir a importância do presidente venezuelano na negociação que culminou com a libertação de Clara Rojas e Consuelo Gonzáles.

Mas essa é a verdade cristalina, confirmada pelas duas reféns libertadas, que desmentem o presidente da Colômbia, Álvaro Uribe. Elas afirmaram em entrevista coletiva que só não estão livres desde o final do ano passado porque tropas do exército colombiano realizaram operações na área onde estava acertada a libertação.

"Yo no sabia que estaban allí, pero asumo por la actitud de las FARC", dijo [Clara Rojas]. "Asumo que la presencia militar en el punto" era lo que impedía el operativo. "Nuestra vida corría peligro".

Leia também:

» Vídeo: Clara e Consuelo, o momento da libertação pelos guerrilheiros na selva

» Vídeo: Reféns liberadas e entrevista com Chávez

» Chávez, o rei e a direita feliz

imagem RSSimagem e-mail

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Aqui, comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...