segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Cantanhêde, e a febre amarela?


Morreu uma pessoa, na cidade de Muriaé, vitimada pela febre amarela. Esperei dois dias, antes de fazer esta postagem, na expectativa de que Eliane Cantanhêde, a musa da febre amarela, publicasse algo a respeito. Afinal, todos se recordam que ela tem verdadeiro pavor da picadura dos mosquitos transmissores e escreveu um artigo alarmista, que contagiou toda a mídia corporativa e levou pânico à população brasileira.

Mas, até agora, nada. Será que é porque a vítima morreu nas Minas do tucano Aécio e contraiu a doença no Rio Grande do Sul da tucana Yeda, onde já morreram outros três por causa da febre amarela? Ou será que ela aprendeu a lição?

O que vocês acham?

Clique aqui e receba gratuitamente o Blog do Mello em seu e-mail

imagem RSSimagem e-mail

Comente com o Facebook:

7 comentários:

  1. ZéTavares2.2.09

    acho que vc acertou em cheio Mello !

    ResponderExcluir
  2. O (des)serviço do site do (des)governo do RS, neste caso a página da Secretaria da Saúde, que não atualizou o número de mortos humanos por febre amarela.

    Na página da Secretaria da Saúde do RS, consta que:

    "No Rio Grande do Sul, ocorreu transmissão da FA no passado, sendo que os últimos casos humanos datam de 1966, quando houve vacinação em toda a região noroeste."

    A página da Secretaria da Saúde do RS não está abandonada, é só olhar à direita e veremos um banner piscando, é a campanha de Porto Alegre para copa do mundo de 2014, que para Yeda deve ser primordial à saúde da população gaúcha!

    http://www.saude.rs.gov.br/wsa/portal/index.jsp?menu=servicos&cod=22246

    ResponderExcluir
  3. Aposto R$ 100,00 no azarão (primeira opção)!

    ResponderExcluir
  4. Crica2.2.09

    Que aprendeu que nada. Tucano é aquele bichinho de corpo grande e cabeça pequena.

    ResponderExcluir
  5. Todas as hipóteses são verdadeiras!

    ResponderExcluir
  6. Anônimo3.2.09

    SEXTA-FEIRA, NA CALADA DA NOITE

    A Secretaria dos Transportes Metropolitanos de São Paulo anunciou nesta sexta-feira (30-Jan-a noitinha) reajuste de 6,3% na tarifa do metrô da capital paulista, que passará de R$ 2,40 para R$ 2,55. O aumento acontecerá a partir de 9 de fevereiro.

    O bilhete que permite uso integrado entre ônibus e os trens do Metrô e da CPTM, que custava R$ 3,65 desde fevereiro de 2008, passa para R$ 3,75, reajuste de 2,7%. Segundo a secretaria, a variação está abaixo da inflação medida pelo IPC Fipe, de 6,6%.
    Bem, e a nossa imprensa segue a risca a primeira lei de Rubens Ricupero: “Eu não tenho escrúpulos: o que é bom a gente fatura, o que é ruim a gente esconde”.

    Imagine como a Folha e o Estadão se comportariam com a Marta aumentando as tarifas na calada da noite...

    O tratamento seria igual?

    ResponderExcluir
  7. Anônimo3.2.09

    SEXTA-FEIRA, NA CALADA DA NOITE

    A Secretaria dos Transportes Metropolitanos de São Paulo anunciou nesta sexta-feira (30-Jan-a noitinha) reajuste de 6,3% na tarifa do metrô da capital paulista, que passará de R$ 2,40 para R$ 2,55. O aumento acontecerá a partir de 9 de fevereiro.

    O bilhete que permite uso integrado entre ônibus e os trens do Metrô e da CPTM, que custava R$ 3,65 desde fevereiro de 2008, passa para R$ 3,75, reajuste de 2,7%. Segundo a secretaria, a variação está abaixo da inflação medida pelo IPC Fipe, de 6,6%.
    Bem, e a nossa imprensa segue a risca a primeira lei de Rubens Ricupero: “Eu não tenho escrúpulos: o que é bom a gente fatura, o que é ruim a gente esconde”.

    Imagine como a Folha e o Estadão se comportariam com a Marta aumentando as tarifas na calada da noite...

    O tratamento seria igual?

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...