quinta-feira, 9 de abril de 2009

Itagiba sai humilhado de confronto com Protógenes


O deputado federal Marcelo Itagiba pensava ter seu dia de glória, mas foi atropelado pela ironia cética do delegado Protógenes e por alguns outros deputados da CPI, que perceberam que Itagiba queria seguir seu script incriminatório contra o delegado, a despeito dos demais.

Logo no início, Itagiba quis apresentar um power-point em que apontaria contradições entre o depoimento anterior de Protógenes com outros feitos à CPI. O programa simplesmente não abriu.

Começava mal o show que Itagiba desenhara. Teve então que fazer as perguntas, sem o power-point. Recebeu como resposta a cada uma delas, a mesma ladainha, que lembrava ao deputado o objetivo da CPI:

“Deputado federal Marcelo Itagiba, presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito cujo objeto jurídico é a interceptação clandestina de telefones, eu me abstenho de responder a vossa excelência.”

Antes, durante os cinco minutos livres que teve para dirigir-se à Comissão, Protógenes deu outra informação que caiu como uma bomba: a PF, naquele momento, realizava nova operação na sede do Opportunity.

A seguir, Itagiba tentou passar o power-point mais uma vez, mas foi impedido por deputados. Começou um bate-boca. O deputado federal Chico Alencar acusou Itagiba de ter recebido dinheiro de sócio de Dantas para a campanha, o que ele não tinha como negar, pois foi declarado ao TRE. Era o fim.

Itagiba ainda ficou ali comandando os trabalhos, mas não os rumos do depoimento. Ele estava apenas marcando o tempo a que cada deputado tinha direito. Apenas um cronometrista. O depoimento de Protógenes escapara completamente ao roteiro que Itagiba havia concebido.

Em dado momento, ele simplesmente saiu. Foi ao banheiro? Quase. Abandonou a CPI para dar um depoimento ao Jornal Nacional, encomenda de Kamel para fechar a nota sobre Protógenes. E Itagiba repetiu o que vem dizendo há muito, mas que já não batia com a realidade:

“Ele (Protógenes Queiroz) está incorrendo no crime de falso testemunho, porque não retificou as informações que ele deu no início dessa CPI, que foram contestadas por todos aqueles que compareceram e depuseram na CPI”, afirmou Itagiba.

Fim melancólico para quem esperava viver seu dia de glória, talvez até com a prisão de Protógenes.

Agora teremos, na semana que vem, o depoimento de Daniel Dantas à CPI. Alguém acredita nisso? Duvi-d-o-dó. Dantas não abre nem geladeira, pois quando uma luz acende à sua frente, ele já imagina uma nova operação da PF para prendê-lo.

Vamos ver qual a desculpa que Itagiba irá usar para dispensar o banqueiro condenado.

Clique aqui e receba gratuitamente o Blog do Mello em seu e-mail

imagem RSSimagem e-mail

Comente com o Facebook:

12 comentários:

  1. POnto 1 - Realmente, depois do racha com o Chico Alencar, o depoimento mudou de rumo completamente. Lembra muito o depoimento da Dilma com a pergunta do Agripino Maia*: Depois daquela cacetada ninguém mais teve coragem de peitar a moça

    Ponto 2 - sabe o que é mais engraçado? Não fosse a internet e os blogs, ninguém nem ia ligar se o Daniel Dantas fosse chamado ou não.

    *piada pronta: o agripino maia querendo pagar de ético é um clássico.

    ResponderExcluir
  2. Anônimo9.4.09

    Der Göbbels chafurdando.

    Noutro grotesco circo de imbecís, promovido pela casa q deveria representar o povo do Brasil, mas q na verdade representa o poder do dinheiro de Dantas sobre Itagiba e congeneres, foi como esperado:

    Protógenes tornando risível a figura do bufao peemedebista e Der Göbbels tentando montar sua farsa pro Dantas.

    E tudo pago c/ dinheiro do povo.

    Acabo de ler o escrotal Noblatblabla tentando vender Protógenes como "desmoralizado" no inqérito promovido pela PF.

    Lí a coisa e concluí:

    Se tem alguém desmoralizado, qgora pela enésima vez ... é o jornlista cuja esposa está entalada até a goela no escandalo Jungaman 33milhoezinhos.

    Ridículo, cínico e mentiroso é o q tenho q declarar sobre o sr Noblatblabla.

    Inté,
    Murilo

    ResponderExcluir
  3. alexandre octavio9.4.09

    Mello,

    O Ricardo Noblat disponibilizou o relatório final da operação Satiagraha no site dele. Seria interessante uma análise.

    ResponderExcluir
  4. Mello, seu blog saiu na frente - arrasou.Foi a matéria mais verdadeira e captou o que meu coração sentia ao ver aquela arapuca armada que caiu por terra.

    Bendito o dia em que eu conheci teu blog!!!

    Parabéns

    Vivi PSOL SP

    ResponderExcluir
  5. Parafraseando, "A verdade é o melhor desinfetante". Será que alguns valentes deputados, se houverem, poderiam fazer o favor de instaurarem um processo de cassação contra Itagiba?

    ResponderExcluir
  6. Anônimo9.4.09

    Mello, 10. Continue assim. Abraço Ísis, firme visitando seu blog.

    ResponderExcluir
  7. Anônimo9.4.09

    Estou completmente de acordo com o Murilo. Até gostaria de sugerir ao Mello uma discussão mais abrangente sobre a gatunagem do Julgmann e cia.
    R$ 33 milhões não é pouca coisa não!
    Cabral

    ResponderExcluir
  8. Parabens Mello, saiu na frente e mandando muito bem.....

    ResponderExcluir
  9. Rossini Miranda DIppólito9.4.09

    Vi a entrevista do Itagiba na tv. Achei interessante ele dizer que a verdade ainda não apareceu.
    - Oras, se ele sabe qual é a verdade, não precisava convocar Protógenes.
    - Se ele não sabe qual é a verdade, como sabe que ela ainda não apareceu?
    O que fica claro é que ele já tem um objetivo para a CPI, e só sossega quando conseguir provar o que quer

    ResponderExcluir
  10. Anônimo10.4.09

    Eu queria morar no Rio para ter votado no Chico Alencar, nessas horas a gente percebe que a importancia do voto não é apenas para escolher governantes.

    ResponderExcluir
  11. Anônimo12.4.09

    Agora que humilhou de vez!

    Veja o que o Nassif acaba de postar. O INDICE DAS CAIXAS DA KROLL que a CPI não quer ver.

    http://colunistas.ig.com.br/luisnassif/2009/04/12/as-caixas-da-kroll/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...