quinta-feira, 25 de março de 2010

Manchetes impagáveis (pois já estão pagas) do PIG


Hoje, no Globo:

"Grevistas entram em confronto com PMs em São Paulo"

Se fosse no boxe seria: Queixo entra em confronto com luvas no ringue.

Agora, o resto da matéria porcalística. Repare que desde o título os professores são tratados como "grevistas", "de sindicatos ligados à CUT e ao PT", "manifestantes". Mas, no penúltimo parágrafo, já ficamos sabendo que "A partir da primeira palavra de ordem, os PMs obrigaram o grupo a recuar". E, no último, o texto afirma o oposto do que está no título. Os professores estavam parados e foram agredidos pelos policiais.

Ao inaugurar ontem à tarde uma unidade de atendimento de doentes mentais em Franco da Rocha, na região metropolitana de São Paulo, o governador de São Paulo, José Serra (PSDB), foi recebido com um protesto de professores grevistas da rede estadual — de sindicatos ligados à CUT e ao PT —, que gritaram palavras de ordem e até chamaram o tucano de ditador.

Cerca de 30 manifestantes entraram em confronto com um pelotão de 40 PMs, que usaram cassetetes, spray de pimenta e escudos para evitar que eles invadissem área restrita. Quatro professores foram presos. A categoria está em campanha salarial desde a semana passada.

Mesmo com um forte esquema de segurança, os manifestantes chegaram ao local da cerimônia, cercado por grades, onde Serra inaugurou o Centro de Atenção Integrada à Saúde Mental. A partir da primeira palavra de ordem, os PMs obrigaram o grupo a recuar.

Quando os professores, que também levaram apitos, pararam de recuar, os policiais passaram a empurrá-los e o confronto começou.


Espero por você no Formspring.

Comente com o Facebook:

6 comentários:

  1. Mello, sempre bom ver teus posts.
    O Globo nunca perde o pelo. Ameaçadores professores em greve, munidos de faixas de protesto e palavras de ordem, partiram para cima de policiais indefesos, que portavam apenas cassetetes, escudos e spray de pimenta, para aplicar-lhes uma surra didática. Preferiram fazer isso a continuar protestando contra o governador, numa clara demonstração da natureza bélica dos docentes paulistas.

    ResponderExcluir
  2. yacov25.3.10

    O Zé Tilápia poderia aproveitar e já ficar por lá, este DÈBIL MENTAL.

    FORA PSDBobos DEMentes e PIg'SS!!!
    QUERO LULA D ENOVO QUERO DILMA 2010 MEU POVO!!!

    ResponderExcluir
  3. O primeiro comandante da força publica paulista foi Brigadeiro Tobias de Aguiar.Nomeado por D.Pedro I como premio por ter se casado com a cortesà Marquesa de Santo .Como dizem os italianos:Bella roba.Ma ché !!!!

    ResponderExcluir
  4. PIG agora partiu pro ataque com tudo. Culpa da Greve é do PT e querem tirar a cara do Serra... Ou melhor, tirar o c* do desgraçado da reta!

    http://tsavkko.blogspot.com/2010/03/falha-continua-tentando-ligar-greve-ao.html

    ResponderExcluir
  5. De Altamiro borges: ¨Cobertura asquerosa da mídia. A revolta dos grevistas não se limita à figura patética do colunista da Folha, que é muito próximo do tucano Serra e do demo Kassab. Ela se estende a toda mídia privada. O Estadão, por exemplo, publicou opinião raivosa contra a categoria. “A greve do professorado paulista não passa de encenação”, atacou o editorial intitulado “greve política”. Já as redes de televisão não exibem as gigantescas mobilizações da categoria e quando tratam da paralisação, iniciada em 8 de março, é para insinuar que ela “congestiona o trânsito e atrapalha a vida do paulistano”. Num dos piores exemplos da manipulação “jornalística”, a mídia tratou como verdade a nota da Secretaria de Educação que afirmou que a greve teria “apenas 1% de adesão”. Para justificar a farta publicidade do governo estadual, ela decretou o fracasso do movimento. Ela nem sequer se deu ao trabalho de ir às escolas para conferir a falsa declaração, que logo foi desmentida pelos protestos que reúnem mais de 50 mil grevistas. Além de abalar a imagem do tucano Serra, a poderosa greve dos professores serve para desmascarar, de vez, a mídia venal e seus colunistas de aluguel.¨

    ResponderExcluir
  6. Enéas Maffei27.3.10

    Gostaria apenas de dizer que gosto muito de seu trabalho no Blog .

    Com certeza uma hipotética ausência sua , seria um prejuízo muito grande para todos nós que nos beneficiamos de seus textos .

    Que Deus o conserve [amém] .

    Obrigado , e um abraço ,

    Enéas Maffei

    /////

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...