segunda-feira, 30 de maio de 2011

Vazam mais nomes de clientes de Palocci. Por que a 'grande imprensa' não os investiga?


Se há a suspeita de que o ministro Antonio Palocci recebeu indevidamente os R$ 20 milhões que sua empresa de consultoria teria faturado nos últimos anos, a suspeita tem que valer para os dois lados. Se há um corrupto tem que haver o agente corruptor.

Pois li agora no blog do jornalista Lucas Figueiredo uma lista com clientes da empresa Projeto, do ministro Palocci. Agora, basta aos jornalistas correrem até elas e perguntarem a seus diretores, CEOs etc por que corromperam Palocci, por que deram propina a ele, quais vantagens conseguiram no governo, qual foi a mamata, a maracutaia, a treta, tudo aquilo que é subentendido ou claramente apontado nas acusações contra ele. Aos clientes, meus bravos:

Itaú Unibanco

Pão de Açúcar

Íbis

LG

Samsung

Claro-Embratel

TIM

Oi

Sadia Holding

Embraer Holding

Dafra

Hyundai Naval

Halliburton

Volkswagen

Gol

Toyota

Azul

Vinícola Aurora

Siemens

Royal Transatlântico

Amigo leitor, quando nossa "grande imprensa" vai publicar reportatem que esses executivos contando qual foi a relação de suas empresas com a de Palocci:

  1. Amanhã.
  2. Um dia.
  3. Nunca.

.

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Aqui, comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...