segunda-feira, 6 de junho de 2011

Postagem de Ricardo Kotscho avisa a Palocci que a presidenta Dilma lhe oferece uma saída honrosa, o pedido de demissão


Do jornalista Ricardo Kotscho, ontem, domingo, em seu blog, às 10h57:

Confirmei na manhã deste domingo, com fonte da minha total confiança, uma informação que vinha apurando desde ontem: chegou o fim da linha para o ministro Antonio Palocci, chefe da Casa Civil, que a partir de agora pode ser demitido a qualquer momento.

Não houve uma gota d´água. Foi o conjunto da obra que deixou Palocci nesta situação, sem contar com o apoio de mais ninguém, e à presidente Dilma Rousseff só resta agora encontrar um nome para substituí-lo.

Pegou muito mal o ministro não ter mostrado nenhuma indignação diante das graves denúncias feitas contra ele nas últimas semanas durante as entrevistas que concedeu à Rede Globo e à Folha, os dois órgãos por ele escolhidos para falar ao país. Na verdade, as entrevistas e as novas denúncias publicadas no final de semana apenas pioraram um quadro que já era irreversível.[Leia o restante aqui]

Quem tem acompanhado o caso Palocci aqui no blog, com certeza vai estranhar a afirmação que fiz no título de minha postagem. Mas vou explicá-la. Em primeiríssimo lugar, Ricardo Kotscho não é PIG. Foi Secretário de Imprensa de Lula. É amigo do ex-presidente, e jamais empenharia sua palavra, como o fez na postagem, se não tivesse absoluta certeza do que estava afirmando, e (aqui entra minha opinião) se não fosse convidado (ou tivesse se oferecido) a fazê-lo.

Kotscho não se submeteria a ser cavalo de alguém, a não ser que quisesse. Além de jornalista experiente, conviveu de perto com o ofidiário que cerca o Planalto. Ele sabe que uma afirmação dessas partindo dele equivale quase que como uma sentença: "Ouvi de Lula".

Portanto, Palocci, não adiantou nada você e a presidenta comparecerem jubilosos, sorridentes e emplumados à festança dos 90 anos da Folha. O escorpião, como na conhecida fábula, aplicou seu veneno. Por motivos ainda desconhecidos, mas que, mais dia menos dia virão à tona, a Folha o escolheu como o pato para atingir Dilma e o governo.

Por motivos também desconhecidos, apoiadores do governo na blogosfera e nas redes sociais entraram no jogo do PIG, como aconteceu na campanha de Marta contra Kassab. O resultado agora parece que vai ser o mesmo.

A única coisa que ainda resta de esperança para você é que a postagem de Kotscho foi feita antes do desmentido da reportagem de Veja, a revista que já sai da gráfica com prazo de validade das matérias vencido.

Mas o estrago já está feito. Inês é morta e você já não cheira muito bem. Entenda o recado e se conforme, como eu, com mais uma vitória do PIG sobre o governo. Que seja a última e nos sirva de lição: quem alimenta o PIG acaba sendo devorado por ele.

.

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Aqui, comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...