quinta-feira, 26 de abril de 2012

Patrocinador do futebol da Globo briga com o do Jornal Nacional para ver quem trata pior o consumidor


O páreo é duro. Se fosse no hipódromo, eles estariam disputando cabeça a cabeça para ver quem chega em primeiro na lista do Procon: Itaú Unibanco - patrocinador do futebol da Globo, da seleção brasileira (ou da Globo?) e da Copa de 2014 - e Bradesco - patrocinador do Jornal Nacional - se alternam no posto de número 1 em desrespeito ao consumidor no site do Procon.

Desde março, a lista é atualizada diariamente e está à disposição do consumidor no site do Procon-SP. No primeiro dia, o Bradesco liderava e o Itaú Unibanco estava em quarto. Mas o Itaú Unibanco não se entregou, reagiu, desrespeitou mais consumidores e agora está na ponta, jogando o Bradesco para um "humilhante" quarto lugar.

Até nas causas do desrespeito ao consumidor os dois se equivalem: são quase duas mil cobranças indevidas. Isso partindo dos dois maiores bancos privados do país, que lucram bilhões e bilhões cobrando taxas e juros os mais escorchantes do mundo.

Mas nada disso é informado pelo jornalismo da Globo. Como escrevi aqui outro dia:

Certamente, em nome dessa parceria, Ali Kamel e seus comandados chutaram pro alto o Código de Ética, lançado com pompa e circunstância pela Rede Globo, que, na Seção I, Item 1d afirma:

d) Não pode haver assuntos tabus. Tudo aquilo que for de interesse público, tudo aquilo que for notícia, deve ser publicado, analisado, discutido;


Ao não fazer a reportagem o Jornal Nacional mostra que é realmente parceiro de seus patrocinadores, desrespeitando seus clientes, consumidores, telespectadores.

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Aqui, comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...