quarta-feira, 27 de abril de 2016

PSDB adere a Temer para tentar via golpe o que não conquistaram nas urnas: governar o Brasil









O cacique FHC tocou o aviso geral de que os tucanos não podiam ficar apenas espiando a banda passar e, menos de 24 horas depois, o partido em peso se assanhou para cair nos braços de Temer para tentar conseguir o que tentaram nas urnas, mas foram derrotados, governar o Brasil - ainda que seja por empréstimo.

O governador de São Paulo Geraldo Alckmin quer levar para todo o Brasil sua experiência hídrica, em segurança pública e na Educação (em especial na questão da merenda):

— O que nos parece importante é o modelo político brasileiro, que se esgotou. É preciso recuperar a atividade política do país. O PSDB vai colaborar, vai participar deste novo trabalho, nessas reformas que são importantes. A participação de membros do partido se houver convites e alguém quiser participar, não vejo o menor problema. Mas essa não é a questão central. Ninguém vai brigar para participar do governo — disse Alckmin. [Fonte: O Globo]

O Brasil viveu oito longos anos sob governo tucano, na época de FHC, e de lá pra cá eles vêm sendo surrados nas urnas há quatro eleições seguidas. Agora querem voltar, se não nas urnas, via golpe.

Mas o Brasil não esquece aqueles tempos, expostos em algumas manchetes de jornais da época reproduzidas aqui.

O Brasil não esquece também que o que está havendo é um golpe, perpetrado pelos derrotados, que querem conseguir na mão grande o que não conquistaram nas urnas.



Clique aqui e receba gratuitamente o Blog do Mello em seu e-mail
imagem RSSimagem e-mail

Meu perfil no Facebook: Antonio Mello


Madame Flaubert, de Antonio Mello

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Aqui, comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...