sábado, 19 de novembro de 2016

Ex-ministro da Cultura diz que pediu demissão porque foi tirado para dançar no bordel



O hoje ex-ministro da Cultura Marcelo Caleiro disse em entrevista à Folha que pediu demissão do cargo porque se viu pressionado pelo ministro Geddel para aprovar uma obra na Bahia em que este tinha interesse.

Calero diz, em entrevista à Folha, que o articulador político do governo Temer o procurou pelo menos cinco vezes —por telefone e pessoalmente— para que o Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), órgão subordinado à Cultura, aprovasse o projeto imobiliário La Vue Ladeira da Barra, nos arredores de uma área tombada em Salvador, base de Geddel.

Nas palavras do agora ex-ministro, Geddel disse em pelo menos duas dessas conversas possuir um apartamento no empreendimento que dependia de autorização federal para sair do papel.

Quer dizer que o sujeito entra para um governo que chegou ao poder através de um golpe, para compor um ministério com figuras como Geddel, Jucá , Moreira Franco, Padilha, Serra , e quando é chamado para transar se sente ofendido e pede demissão? Foi ao bordel para rezar? Queria ser o belo, recatado e do lar? Esse lugar já tem dona. Se manca. 

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Aqui, comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...