domingo, 20 de novembro de 2016

Ordem de juiz que mandou Garotinho para Bangu 8 poderia ter decretado a morte do ex-governador





Na decisão em que atropelou laudo de junta médica do hospital Souza Aguiar, por ouvir falar que Garotinho estaria recebendo regalias nunca descritas ou provadas, o juiz Glaucenir de Oliveira poderia ter levado a morte ao ex-governador. Os médicos recomendavam a continuidade da internação do ex-governador por conta de seu quadro cardíaco, o que foi ignorado pelo juiz.

Com a anulação posterior da decisão por uma ministra do TSE, que ainda deu dura reprimenda no juiz de Campos, Garotinho pôde ser internado num hospital particular, com despesas correndo por conta do paciente, conforme determinado pela juíza, a ministra Luciana Lóssio.

Hoje, em seu perfil em rede social, a mulher de Garotinho, prefeita de Campos e ex-governadora do Rio Rosinha Garotinho postou um texto de agradecimento e reproduziu nota, assinada por um médico do hospital em que o ex-governador está internado, com informação sobre o procedimento de emergência a que foi submetido [imagem reproduzida aqui].

Garotinho é submetido a cateterismo e implanta stent

Agradeço aos que oraram e torceram pela saúde do Garotinho. Aos que duvidaram ou comemoraram, peço o perdão de Deus. Ele passou por procedimento neste domingo, encontra-se em recuperação em quadro estável. Meu marido realmente necessitava de tratamento coronariano urgente.
Segue o laudo médico.

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Aqui, comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...