sexta-feira, 3 de março de 2017

Aloysio Nunes apresenta foto e currículo a Temer: propina, falsidade e lavagem



Não é de hoje que digo isso aqui. Para participar do governo do golpista Temer tem que apresentar no currículo pelo menos acusações de corrupção.

Para manter afinado o espírito da equipe de acordo com o chefe, Aloysio Nunes apresentou seu currículo ao golpista e foi logo aprovado.

Além da foto que enviou para disputar o cargo de ministro das Relações Exteriores do Brasil ( Imagem reproduzida aqui ), Aloysio é investigado no STF por falsidade ideológica e lavagem de dinheiro.

O inquérito foi aberto em setembro de 2015 pelo decano da Corte, ministro Celso de Mello, após pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot. As investigações têm como base as informações reveladas pelo sócio majoritário da construtora UTC, Ricardo Pessoa, em seu acordo de delação premiada.
“O colaborador deixou bastante expresso (com alguma riqueza de detalhes suficientes para a instauração formal de inquérito) que houve solicitação e pagamento de doações em ‘dinheiro’ (sem contabilização), com ulterior possível ocultação”, escreveu o procurador-geral. O delator disse, ainda, que Aloysio Nunes estava presente em reuniões e que assentiu na solicitação de propina por meio de representantes.[ Fonte: Valor]
Apoie a mídia independente, Assine o Blog do Mello e ganhe "A Fome e o Medo", um livro do Mello de presente



Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Aqui, comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...