RECENTES

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

domingo, 5 de março de 2017

Ex-chefe do Dersa quer delatar o que sabe sobre desvio de R$ 1,3 bi do PSDB em SP. Mas Força Tarefa de Moro não quer ouvir



O operador financeiro Adir Assad está preso desde agosto do ano passado e Moro o condenou a mais de 9 anos de cadeia. Ele quer fazer o que todos os demais condenados por Moro fazem, delatar, abrir o bico. Só que o que ele tem a dizer é contra os tucanos de São Paulo, onde ele afirma ter lavado R$ 1,3 bilhão para o esquema, quando era chefe do Dersa. Só que aí atinge em cheio o PSDB e governadores Serra, Alckmin, e a Força Tarefa de Moro se vê diante de sua kriptonita, e enfraquece...

O operador financeiro Adir Assad propôs um acordo de delação premiada à Lava Jato no qual afirma ter repassado cerca de R$ 100 milhões para Paulo Vieira de Souza, ex-diretor da Desenvolvimento Rodoviário S/A (Dersa), entre 2007 e 2010, na gestão José Serra (PSDB) no governo de São Paulo.
(...) Na tratativa com a força-tarefa na capital paranaense, Assad admitiu ter usado suas empresas de fachada para lavar recursos de empreiteiras em obras viárias na capital e região metropolitana de São Paulo, entre elas a Nova Marginal Tietê, o Rodoanel e o Complexo Jacu-Pêssego. [Fonte: Estadão, onde você pode conferir um infográfico com toda a movimentação de verbas desviadas pelo PSDB de obras em São Paulo]

Assad quer delatar tudo: como funcionava esquema do caixa 2 das empresas, a lavanderia que montou com suas empresas, até sobre um apartamento dividido com Paulo Preto (operador de Serra e do PSDB) onde se armazenava dinheiro (muito) vivo.

Mas, "como a força-tarefa já detém uma série de informações sobre suas operações, Assad está atrás na corrida das negociações e enfrenta a resistência do Ministério Público Federal". Em outras palavras:

- Denúncia contra tucanos? Não vêm ao caso...

Comente com o Facebook:

Um comentário:

  1. Já passamos do ponto. Agora, só levante popular, mesmo!

    ResponderExcluir

ENFRENTANDO O GOLPE 

A mídia corporativa e o governo golpista querem sufocar os blogs e sites de oposição ao golpe. Precisamos do seu apoio, da sua assinatura, e também do seu engajamento, nos ajudando a divulgar nossos blogs e sites de oposição ao golpe nas redes, republicando nossas postagens, distribuindo conteúdo para amplificar o alcance de nossas críticas.

Contando com seu apoio, vou oferecer um livro meu grátis, A Fome e o Medo, a todos os que assinarem o Blog do Mello.

Assinar é muito fácil, é só clicar numa das imagens, Doar ou Assinar. Todos os cartões de crédito são aceitos



Se preferir, você pode fazer sua doação diretamente na conta do Blog:

Banco Bradesco
Pipa Produções Artísticas Ltda
CNPJ: 10585813/0001-44
Agência 0213
Conta 8035-7

Para receber o livro, basta enviar um e-mail dizendo que fez a doação ou a assinatura. Não precisa enviar comprovante. Sua palavra basta.
Antecipadamente, agradeço.