terça-feira, 7 de março de 2017

Ex-diretor contradiz presidente da Odebrecht e diz que Temer pediu, sim, dinheiro pessoalmente a Marcelo Odebrecht no Palácio



Não adiantou muito o presidente da Odebrecht Marcelo Odebrecht tentar livrar a cara do golpista Temer, que usou a residência oficial do vice-presidente (seu cargo antes de golpe, mas lugar onde voltou a morar hoje) para pedir dinheiro à Odebrecht para ele e sua turma, entre eles Eliseu Padilha e Eduardo Cunha (este para comprar 140 deputados, virar presidente da Câmara e, de lá, capitanear o golpe a partir do Legislativo).

No outro dia, o ex-diretor de Relações Internacionais da Odebrecht Cláudio Melo confirmou a presença de Temer na reunião, inclusive na pedida de dinheiro.

“Eu participei de um jantar no Palácio do Jaburu juntamente com Marcelo Odebrecht, Michel Temer e Eliseu Padilha. Michel Temer solicitou, direta e pessoalmente para Marcelo, apoio financeiro para as Campanhas do PMDB no ano de 2014”, disse Melo. [Fonte: Estadão]

Ainda que não estivesse presente no instante da facada (como afirmou Marcelo e Cláudio Melo negou), só a escolha do Palácio do vice-presidente para o encontro já mostrava que o pedido, oficial ou não, era do interesse do vice-presidente à época, Michel Temer.

Temer e seu grupo estão envolvidos na teia de aranha que eles mesmos teceram. Quanto mais esperneiam, mais ficam enrolados.


Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Aqui, comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...