quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Sobrinho de senadora que acusa partidários de Evo Morales de narcotraficantes é preso no Brasil com 480 kg de cocaína



Dois homens foram presos em Mato Grosso nesse domingo, quando um Cessna transportando 480 kg de cocaína [imagem] foi interceptado pela Polícia Federal ao realizar um pouso numa fazendo a 200 km de Tangará da Serra.

Quatro pessoas esperavam pelo avião e fugiram do local assim que a polícia chegou. O veículo, com placas de Cuiabá, foi abandonado às margens da pista. Dois bolivianos estavam na aeronave: Fabio Andrade Lima Lobo, de 25 anos, e Carlos Añez Dorado, de 24.


Os dois presos têm vínculos familiares com políticos na Bolívia. Añez Dorado é sobrinho da senadora oposicionista Jeanine Añez, que vive afirmando que os partidários de Evo Morales são narcotraficantes.

O outro preso também tem relações familiares com três políticos de oposição e é filho de uma ex-candidata derrotada do MAS.

Fontes: G1, Agencia Boliviana de Información e El Mundo.

Ajude o Mello a tocar o blog. Faça uma assinatura. É seguro, rápido e fácil
Sua assinatura faz a diferença e ajuda a manter o blog

Apenas R$ 10. Todos os cartões são aceitos. Você pode cancelar a assinatura a qualquer momento


Comente com o Facebook:

Um comentário:

  1. É o cinismo em mais alto grau. Acusam Evo de traficante, e os traficantes são eles mesmos.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...