terça-feira, 6 de março de 2018

Julgamento de Moro no CNJ adiado mais uma vez. Já são dois anos, e nada. Enquanto isso, com Lula...


Tempo estimado de leitura: 1 minuto

Mais uma vez  é adiado o julgamento do juiz Sergio Moro por haver divulgado áudio de grampo de conversa do ex-presidente Lula com a (à época) presidenta Dilma.

São dois procedimentos contra Moro (hoje tinham os números 42 e 43, em destaque na imagem acima), que mais uma vez deram em nada.

Já são quase dois anos e a Justiça adia mais uma vez o julgamento do justiceiro de Curitiba, que pode levar até à sua demissão.

Como mostra imagem abaixo, havia 141 processos pautados para hoje. Menos da metade foi julgado.Os dois de Moro foram adiados.


Na hora do almoço a sessão foi paralisada e não voltou mais. Talvez as Excelências, capitaneadas pela presidente do CNJ e também do STF, ministra Cármen Lúcia, tenham resolvido emendar o almoço com o acompanhamento da votação no CNJ do pedido de habeas corpus do ex-presidente Lula. Este, sim, foi julgado rapidamente, como sempre, e deu 5 a 0 contra Lula. Também como sempre.

No Brasil sob golpe, a frase de Jucá ecoa, persistente: "com o Supremo, com tudo".


Clique aqui e passe a receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos

Assine a newsletter do Blog do Mello

Nenhum comentário:

Postar um comentário