quarta-feira, 21 de março de 2018

No Dia Internacional da Síndrome de Down, Professora com a síndrome dá lição em juíza sem juízo

Débora com seu livro

Tempo estimado de leitura: 1 minuto e 50 segundos

Todo mundo (até a Globo) já deu a linda lição da professora com síndrome de Down Débora Seabra na juíza preconceituosa Marília Castro Neves, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro.

Marília, em sua página no Facebook, achou que estava sendo espirituosa quando escreveu a seguinte barbaridade:

Well, eis que se não quando, ouço que o Brasil é o primeiro em alguma coisa!!! Apuro os ouvidos e ouço a pérola: o Brasil é o primeiro país a ter uma professora portadora de síndrome de down!!! Poxa, pensei, legal, são os programas de inclusão social… Aí me perguntei: o que será que essa professora ensina a quem???? Esperem um momento que eu fui ali me matar e já volto, tá?”

A professora, Débora Araújo Seabra de Moura, que é autora de um livro [imagem], ensinou a lição com classe e sabedoria à juíza sem juízo, numa carta pública:

“19/3/2018. Recado para a Juíza Marília. Não quero bater boca com você!
Só quero dizer que tenho síndrome de Down e sou professora auxiliar de crianças de uma escola de Natal/RN.
Trabalho à tarde, todos os dias, com a minha equipe que tem uma professora titular e outra auxiliar. Eu ensino muitas coisas às crianças. A principal é que elas sejam educadas, tenham respeito às outras. Aceitem as diferenças de cada uma. Ajudem a quem precisa mais.
Eu estudo o planejamento, eu participo das reuniões, eu dou opiniões, eu conto história para as crianças, eu ajudo nas atividades, eu vou para o parque com elas.
Acompanho as crianças nas aulas de inglês, música, educação física e mais um monte de coisas.
O que eu acho mais importante de tudo isso é ensinar a incluir as crianças e todo mundo pra acabar com o preconceito porque é crime.
Quem discrimina é criminoso!
Débora Araújo Seabra de Moura.”


Clique aqui e passe a receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos

Assine a newsletter do Blog do Mello

Nenhum comentário:

Postar um comentário