quarta-feira, 18 de abril de 2018

66 twitteiros processados por Aécio (inclusive eu) em 2014 estavam certos e ele vira réu no STF por corrupção e obstrução da Justiça

Imagem de Aécio caçador de passarinhos

Tempo estimado de leitura: 70 segundos

Na campanha presidencial de 2014, o candidato tucano Aécio Neves em crise de abstinência de votos resolveu processar 66 twitteiros acusando-os de serem robôs que atacavam sua candidatura com acusações de corrupção.

A acusação era ridícula em vários graus e um dos "robôs" acusados era o autor deste blog, que na época já existia há nove anos - hoje são treze. Leia sobre o episódio aqui.

Ao perceber a mancada, a defesa de Aécio voltou atrás, mas agora os 66 veem que finalmente a verdade sobre o leviano começa a vir à tona com sua transformação em réu no STF por corrupção e formação de quadrilha.

Isto é só o começo. Ainda vai se chegar à realidade de que Aécio fez em Minas o mesmo que Cabral no Rio de Janeiro. Cabral está preso e já soma mais de 100 anos em condenações, com menos de 10% dos processos julgados. Aécio vai chegar lá. (Sobre isto, leia aqui).

Assista a seguir a um vídeo criado na época em "homenagem" ao (ainda) senador Tarja Preta. Mais abaixo os twitteiros processados por ele.



Lista de twitteiros processados por Aécio em 2014

Dica da twitteira @stellamendonca


Clique aqui e passe a receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos

Assine a newsletter do Blog do Mello

Nenhum comentário:

Postar um comentário