quinta-feira, 2 de agosto de 2018

'Pequeno ou grande, o crime se oferece cada vez mais como alternativa [de trabalho]', por Janio de Freitas

Temer, Moreira e Padilha

Da coluna de Janio de Freitas hoje na Folha:

Brasileirada

Dos 91,2 milhões de "ocupados", 37 milhões estão se virando como possam, no que leva o farsante nome de mercado informal. Dos mais de 54 milhões que ficam entre os dois números, só 32,8 milhões são empregados pelo setor privado com carteira assinada. Essa vergonha, em levantamento do IBGE no final de junho.
Com a "reforma" da legislação do trabalho, que concedeu às empresas o uso de mão de obra sem vínculo empregatício, a probabilidade é de maior diminuição proporcional dos empregos com carteira assinada e respectivos direitos (os que sobraram da reforma).
Pequeno ou grande, o crime se oferece cada vez mais como alternativa.



Clique aqui e passe a receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos

Assine a newsletter do Blog do Mello

Nenhum comentário:

Postar um comentário