sexta-feira, 8 de fevereiro de 2019

Ainda presidente, FHC chamou empresários ao Palácio, pediu dinheiro e levou. Está solto e Lula preso

Print de matéria sobre jantar de FHC em 2002

A notícia é velha, já a publiquei aqui e ela está na rede desde a época em que o fato se deu, novembro de 2002, penúltimo mês do último ano de FHC na presidência do Brasil.

FHC reuniu em Palácio vários empresários de peso e passou o chapéu pedindo dinheiro para fundar seu Instituto. Levou declaradamente R$ 7 milhões, em valores da época, quase R$ 20 milhões hoje.

Evidentemente, os empresários contribuíram em retribuição ao que receberam mesmo que indiretamente de FHC durante seus oito anos de governo.

É óbvio que caso o governo não houvesse sido bom para eles, não teriam contribuído, até porque àquela altura o grupo de FHC havia perdido a eleição para o PT e Lula.

Por que para Lula o dinheiro é propina, fruto de corrupção por "ato de ofício indeterminado", e para FHC é apenas contribuição de empresários amigos?

Por que Lula está preso (sem crime e sem provas), condenado a um total de mais de 25 anos de prisão e FHC não?

A resposta a esta pergunta explica muito o Brasil.


O Blog do Mello é e vai continuar a ser de livre acesso a todos, e sem propaganda. Se o blog é relevante para você, considere apoiá-lo com uma assinatura. Apenas R$10

Você pode cancelar a assinatura a qualquer momento

Clique aqui e passe a receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos

Assine a newsletter do Blog do Mello

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também e considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura ou doação.
Não gostou? Comente também. Aponte erros e me ajude a corrigi-los. Só não ofenda, porque os comentários são moderados e não vão ao ar.
Obrigado,
Antonio Mello