quinta-feira, 22 de agosto de 2019

Ataques de Bolsonaro a candidato da oposição na Argentina vão ajudar a elegê-lo no 1º turno

Bolsonaro fazendo arminha com Macri

Péssima imagem de Bolsonaro no exterior já fez aumentar a diferença entre oposicionista e Macri


O presidente da Argentina Mauricio Macri deve rezar a Deus várias vezes ao dia para Bolsonaro esquecê-lo e às eleições argentinas. O apoio de Bolsonaro está ajudando sua candidatura a despencar nas pesquisas e nas urnas. A diferença que era de 15 pontos nas primárias aumentou para 21.

A informação está no Poder360:
Pesquisa mostra que o peronista Alberto Fernández lidera com 53,8% as intenções de voto para a Presidência da Argentina. O atual presidente, Mauricio Macri, aparece em 2º lugar, com 32,9%, uma desvantagem de 20,9 pontos percentuais.
A pesquisa é da consultoria Federico González y Asociados. O estudo foi feito de 14 a 16 de agosto. Foram entrevistadas 1.400 pessoas. A margem de erro é de 2,7 pontos percentuais. O nível de confiança é de 95,5%.
Os indecisos representam 6,8% dos entrevistados.
Em junho, eu já havia publicado aqui que Visita de Bolsonaro à Argentina pode ser o peso que falta para afundar candidatura de Macri de vez.

Dito e feito. Como Bolsonaro continua se intrometendo, e até subindo o grau de suas críticas ao adversário de Macri, a situação piora a cada dia.

Se as eleições fossem hoje, Fernández estaria eleito em primeiro turno.




Leia também:
Para receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp clique aqui
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos


Assine a newsletter do Blog do Mello

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Comente. Gostou muito? Comente também. Encontrou algum erro? Aponte.
E considere apoiar o blog, divulgando-o ou com uma assinatura mensal (apenas R$ 10) clicando aqui: https://pag.ae/7UhFfRvpq ou uma doação direto na conta: Banco do Brasil. Antonio Mello agência: 0525-8 conta: 35076-1
Obrigado