domingo, 16 de março de 2008

Os baratos da sálvia, uma dica e uma receita


Especialistas alertam: a sálvia está prestes a se tornar a nova maconha. A erva usada tradicionalmente como tempero vem sendo consumida por jovens americanos como droga e revelou-se um potente alucinógeno. Já existem, inclusive, diversos projetos de lei em vários estados americanos que visam a proibir o seu uso. Em alguns lugares já há restrições ao porte previstas em lei.

As propriedades alucinógenas de uma espécie da aparentemente inofensiva da erva vêm sendo compartilhadas pelos usuários em sites na internet. Cientes de que as autoridades estão de olho no movimento, vários sites dedicados a alardear as propriedades não culinárias da sálvia estão alertando os consumidores: “Resta muito pouco tempo, façam seus estoques enquanto é possível.”

Quando li a notícia em O Globo, pensei: meu deus, e agora? Já era difícil achar sálvia fresca e de boa qualidade, agora mesmo é que não vai sobrar nenhuma... E se proibirem mesmo a sálvia, como vou fazer para comer minha receita de massa predileta?

No outro dia, outra notícia confirmou meus temores: a informação do dia anterior havia levado uma tropa de fissurados aos supermercados de Ipanema, que dizimaram os estoques de sálvia.

Ainda bem que tenho uma boa porção comigo, que conservo de um modo que divido com você.

Dica do Mello para conservar os temperos frescos

Anote aí: pegue a sálvia fresca (ou o manjericão, a manjerona, o basílico, a salsa, o coentro, a erva verde e fresca que for), lave-a bem, depois deixe secar toda a água e coloque-a naquele saco de papel onde os padeiros colocam o pão. Depois leve para o freezer. É sensacional. A erva continua verde, embora congelada, e mantém aspecto e sabor da erva fresca.

Receita do Mello: Tagliatelle com manteiga e sálvia

Vamos à receita, enquanto não proíbem a sálvia. Os ingredientes são para uma porção.

. 100 gramas de tagliatelle de trigo de grano duro cozido em água abundante e sal
. Duas colheres de sopa generoooosas de manteiga sem sal
. Uma colher de sopa beeem cheia de sálvia fresca, rasgada com a mãos em pedaços pequenos
. Duas colheres de sopa de parmesão ralado de boa qualidade

Coloque numa frigideira, em fogo baixo, a manteiga e a sálvia. Faça a frigideira circular, enquanto a manteiga derrete e a sálvia se espalha. Deixe cozinhar, sempre em fogo bem baixo.

Num dado momento, a manteiga irá espumar, a ponto de você não enxergar mais a sálvia. Está chegando a hora. Depois desse ponto, sempre no fogo, a espuma desaparece, a sálvia está crocante e a manteiga ganha um tom castanho claro.

É hora de derramar o preparado sobre o tagliatelle já cozido e coberto com o parmesão ralado. O calor da manteiga fará o parmesão se crispar.

Misture tudo com dois garfos e depois coma a mais simples e deliciosa receita de massa que conheço.

Se quiser fumar a sálvia, é contigo. Mas a sálvia que dá barato é a salvia divinorum, e não essa que é encontrada nas feiras livres e supermercados - embora especialistas digam que é possível que essas também provoquem algum barato.

Leia também:

» Na Copa da Maconha, jurado paga pra julgar

» Maconha não faz mal, o que faz mal é fumar

ATENÇÃO: Se você ler esta postagem em outro local que não este blog, sem o crédito para o Blog do Mello, é ROUBO.

Clique aqui e receba gratuitamente o Blog do Mello em seu e-mail

Para votar no Blog do Mello no Ibest clique aqui

imagem RSSimagem e-mail

Comente com o Facebook:

4 comentários:

  1. Pô Mello, tá sendo censurado!? Que negócio é este de dar receitas? rsrsrs
    Forte abraço.

    Antonio Arles

    ResponderExcluir
  2. Lembrei-me do baseado de orégano do Wood e Stock. Hehehe. Esse povo inventa cada coisa para matar o tédio !
    Antonio Aires,
    Em tempos de democracia uma receita é uma receita, é uma receita, é uma receita. Ainda bem. E essa aí parece mesmo ser uma delícia e não está encobrindo crimes e atrocidades.

    ResponderExcluir
  3. Anônimo17.3.08

    e tem um erro factual nessa noticia. o nivel do jornalismo.

    nao eh a mesma salvia, nao lembro o nome cientifico do tempero, mas a alucinogena eh a Salvia Divinorium... o pessoal comprou tempero a toa.

    ah, mello, vc viu o novo site do cesarmaia.com.br? eh registrado no nome da empresa de sua secretaria de propaganda. cheque aqui:
    https://registro.br/cgi-bin/whois/

    sera que isso eh licito?
    imoral eh:

    e o nome da empresa --coloque o cnpj no site da receita, vc consegue pegar todos os detalhes oficiais no link acima-- é Factoides e Factoides. cara de pau pouca eh bobagem...
    se quiser mais detalhes de como checar essa informacao, responda...

    ResponderExcluir
  4. Não se proibem os tran$gênico$ (milho liberty-Link da Bayer por exemplo) pois as grandes corporações alegam que são inofensivos. A Bayer, no século passado, comercializou heroína (com o mesmo nome na embalagem) dizendo que era um simples e inocente analgésico. Se a segurança com os tran$gênico$ for a mesma registrada na história estamos PHUDIDOS. Agora querem proibir o plantio e o consumo do que a natureza criou em milhões de anos de evolução, milhares de anos antes do macaco andar sobre duas patas. Parece piada mas é sério.
    Saudações Bolivarianas!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

ENFRENTANDO O GOLPE 

A mídia corporativa e o governo golpista querem sufocar os blogs e sites de oposição ao golpe. Precisamos do seu apoio, da sua assinatura, e também do seu engajamento, nos ajudando a divulgar nossos blogs e sites de oposição ao golpe nas redes, republicando nossas postagens, distribuindo conteúdo para amplificar o alcance de nossas críticas.

Assinar é muito fácil, é só clicar numa das imagens, Doar ou Assinar. Todos os cartões de crédito são aceitos



Se preferir, você pode fazer sua doação diretamente na conta do Blog:

Banco Bradesco
Pipa Produções Artísticas Ltda
CNPJ: 10585813/0001-44
Agência 0213
Conta 8035-7
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
O Blog do Mello, enquanto não consegue se sustentar apenas com assinantes, precisa de anunciantes, e você utiliza um bloqueador de anúncios.
Por favor, desative o bloqueador para o Blog do Mello. Obrigado.