quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Governo da presidenta Dilma está certo: PNBL tem que vir antes da Ley de Medios


Para quem ainda tinha dúvida, Tunísia e Egito ensinaram o caminho: a comunicação via internet pode ajudar a derrubar ditaduras. No nosso caso, a da comunicação.

Do que adiantaria colocar para votação a Ley de Medios agora, com o Governo e o Congresso começando a dar os primeiros passos? Quem teria a lucrar com isso? Já toquei neste assunto aqui Três propostas de Comparato. Sem a primeira, as outras duas são arapucas.

Alguém imagina que Rede Globo, Abril, Folha e Estadão vão ficar apenas repercutindo as discussões? Eles vão usar de todas as suas (ainda) poderosas estruturas de comunicação para fragilizar o governo, denunciar suposta censura à imprensa livre, perseguição política (a la RCTV na Venezuela) para fazer com que a Ley de Medios seja aprovada como uma Lei de Medos: covarde, pequena, atendendo aos interesses desses poderosos meios de comunicação.

Por isso o Plano Nacional de Banda Larga deve vir antes. Com o acesso à informação livre, via internet, chegando à maioria dos brasileiros, teremos uma massa maior para fazer frente ao poderio de comunicação do chamado PIG.

Atualizando uma famosa frase da década de 60 do século passado, de Marshall McLuhan, "o meio é a mensagem". Informação livre, de várias fontes, comunicação de mão dupla, e não mais, nunca mais, verticalizada, de Marinhos, Civita, Frias, Mesquitas para baixo, nos dizendo o que devemos ver da realidade e como interpretá-la.

Computadores baratos, celulares com acesso à internet, banda larga acessível vão transformar a democracia representativa em que vivemos em uma democracia participativa.

Aí sim a Ley de Medios vai para votação. E nós com ela contra os que são contra ela.

.

Comente com o Facebook:

6 comentários:

  1. Mello: O seu comentário está perfeito. Já dizia o Brizola que "o mingau tem que ser comido pelas beiradas". Reproduzi o seu post no meu blog ContrapontoPIG. Abs Célvio

    ResponderExcluir
  2. Anônimo18.2.11

    Explique isso ao Paulo Henirque Amorim...

    João Carlos

    ResponderExcluir
  3. Muito sensato o teu comentário!!!
    Com a mídia que temos, é bem melhor que todos tenham uma segunda via de informação. Assim como ocorreu na eleições (boato escrito ou falado, boato desmentido quase que imediatamente via internet). Mas ainda são muito poucos que têm acesso a esta tecnologia.
    Abçs

    ResponderExcluir
  4. Luis Rodrigues18.2.11

    Isso se o AI 5 Digital não vier na moita, antes de tudo. Não esqueça.

    ResponderExcluir
  5. Anônimo18.2.11

    Mello, tenho dúvidas. Por que as duas iniciativas não podem acontecer coordenadamente? O PIG estará presente na internet, com a baixaria do Big Brother e tudo. Compare audiências: mesmo Paulo Henrique Amorim, com sua superaudiência, não é páreo para um Big Brother. Pense nisso. Maria

    ResponderExcluir
  6. Respondendo:
    João Carlos, quantos votos o PHA tem no Congresso para aprovar a Ley de Medios?
    Lobato,
    por isso é importante ampliar o acesso à banda larga.
    Luís,
    a luta contra o AI-5 digital é outra e importante luta, paralela a essa.
    Maria,
    a Ley de Medios tem que vir depois exatamente por disso, temos que enfraquecer o poder de comunicação dos veículos da grande mídia.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...